Become a GCP member!
Menu Language Search

Membros da 4C Informam Volumes Recordes

Bonn, 12 de maio de 2015. A Associação 4C informou hoje, que em 2014 os seus membros torrefadores e distribuidores mundiais receberam aproximadamente 10 milhões de sacas[1] de Café 4C (aprox. 596.000 toneladas).Este impressionante número realça o compromisso a longo prazo e os grandes passos dados pelo setor cafeeiro rumo à sustentabilidade. Em 2014, em uma perspectiva global, o Café 4C atingiu aproximadamente 7% do mercado de consumo mundial de café[2].

Este cenário é o resultado da manutenção das altas taxas de crescimento nos últimos 5 anos, sendo impulsionado pela implementação de ambiciosos programas de sustentabilidade e o forte compromisso dos membros torrefadores e distribuidores da Associação 4C.

Também pode-se notar que, nos últimos anos, está ocorrendo uma compreensão surpreendente do Padrão de Entrada 4C pelos cafeicultores do mundo todo, e seus grandes esforços para cumpri-lo. No final de 2014, havia 312 Unidades 4C licenciadas (grupos de produtores), com mais de 417.000 produtores e 1.1 milhão de trabalhadores em 24 países produtores. Os maiores países produtores foram: Brasil, Vietnã, Colômbia, Peru, Honduras e Indonésia. A produção anual destes países atingiu 41 milhões de sacas de Café 4C, representando aproximadamente 29% da produção mundial de café[3]. O resultado destes dados recordes mostram que, em 2014, a razão entre a oferta e a demanda de Café 4C é de 4 para 1.

“Estes excelentes números são o resultado da união de forças dos membros 4C nos últimos anos e demonstram duas coisas. Primeiramente, que o comprometimento com a sustentabilidade dos membros 4C é mantido pelo esforço a longo prazo. E, em segundo lugar, demonstra que o Padrão de Entrada para a sustentabilidade 4C se tornou uma ferramenta essencial para o setor cafeeiro atingir suas metas ambiciosas de sustentabilidade.”declara Robert Waggwa Nsibirwa, Presidente do Conselho da Associação 4C, e Vice Presidente da Associação Africana de Cafés Finos (African Fine Coffees Association (AFCA)).

Para que o produtor de Unidades 4C possa estar apto a vender Café 4C, ele deve comprometer-se com a melhoria contínua de suas práticas através da aplicação de critérios econômicos, sociais e ambientais. Outros membros 4C, como cooperativas, exportadoras e torrefadoras dão um importante apoio aos produtores em forma de treinamentos, assistência técnica e acesso à informação. As Unidades 4C são avaliadas por verificadores independentes de terceira parte em relação ao desempenho e progresso na implementação do Código de Conduta 4C, antes de receber uma licença para vender Café 4C.

“A sustentabilidade está se tornando um requisito intrínseco para compradores de café produzido na Indonésia. Precisamos nos preparar para isto e o Padrão de Entrada 4C proporciona um ponto de partida sólido para que produtores entendam e comecem a aplicar as práticas de sustentabilidade. Desde que estabelecemos a Unidade 4C e começamos a treinar produtores, temos visto como eles estão cuidando melhor de suas lavouras e estão trabalhando com mais eficiência. Isto reflete na qualidade de sua colheita e na sua produtividade”, explica Anton Firmansyah da Lampung Robusta Coffee, CV., uma Unidade 4C na Indonésia.

A ambição para o futuro é expandir ainda mais o alcance do Padrão de Entrada 4C, atingindo os produtores de café do mundo todo com critérios de sustentabilidade de nível básico. Para tanto, a Associação 4C lançou recentemente o seu novo Código de Conduta que entrará em vigor em de julho de 2015. Concebido para atender as necessidades dos produtores, o novo Código está desenhado para tornar-se uma ferramenta de primeira linha para impactar positivamente um número crescente de comunidades de produtores, e possibilitar que os seus primeiros passos sejam dados rumo à sustentabilidade.

Com volumes de Café 4C ainda em crescimento e mais produtores colhendo os benefícios, a Associação 4C tem o objetivo de continuar guiando o setor cafeeiro para atingir 100% do nível básico de sustentabilidade no futuro.

__________________________________________________________________________________

Para assuntos relacionados à imprensa, por favor, entre em contato com Verónica Pérez, Gerente de Comunicação: +49 228 850 50 16; Email: veronica.perez@4c-coffeeassociation.org


[1] 9.938.511 sacas de 60 kg

[2] http://www.ico.org/prices/new-consumption-table.pdf

[3] http://www.ico.org/prices/po-production.pdf